Território

Espanha é um país europeu localizado na Península Ibérica. A sua área total abrange cerca de 505.954 km².

Sendo um país europeu, localiza-se a sudeste da Europa, faz fronteira com Portugal, Andorra e França. Situa-se na Península Ibérica no entanto, além do território ibérico que possui, tem também as ilhas Baleares (Mar Mediterrâneo), as ilhas Canárias (Oceano Atlântico), o enclave em França, Llívia e também uma porção de terra no Norte de África, designadamente Ceuta e Melilla.

 

  • Clima

O clima de Espanha é predominantemente mediterrâneo, particularmente na costa mediterrânea e nos baleares. Descreve-se por invernos moderados, excepto no interior e nas zonas montanhosas tendo também verões muito calorosos, com chuvas quase sempre escassas. Deste modo, as mais variadas características físicas de Espanha criam grandes diferenças climáticas.

Nas costas do mar Cantábrico e do oceano Atlântico o clima é, frequentemente, húmido e moderado. Na meseta Central, o clima mediterrâneo é designado de continental ou interior, contendo verões secos.

As regiões montanhosas do norte e do centro são húmidas. Na zona centro, o inverno é muito frio enquanto que, as temperaturas durante o verão podem ultrapassar os 40ºC. Em contrapartida, a costa mediterrânea do sul usufrui de um clima subtropical.

  • Hidrografia

Espanha contém três vertentes que representam a sua hidrografia sendo elas a cantábrica, a atlântica e a mediterrânea. Os rios da vertente cantábrica são pequenos mas relativamente caudalosos, e formam amplos estuários. Na costa atlântica da Galícia, os rios são igualmente pequenos e caudalosos. Na vertente atlântica, os mais importantes são o Minho, o Douro, o Tejo, o Guadiana e o Guadalquivir. O Minho possui um grande caudal percorrendo as chuvosas terras galegas até desembocar no Atlântico, entre Espanha e Portugal.

Também na região limítrofe, o Douro corre em profundos desfiladeiros. O Tejo forma também desfiladeiros na maior parte do seu percurso, que começa no sistema ibérico, avança para oeste e entra em terras portuguesas, para desaguar em Lisboa. O Guadiana percorre as planícies da Mancha e da Extremadura e ao chegar à fronteira portuguesa desvia o seu curso para o sul, entra em Portugal e desagua no golfo de Cádiz, onde forma um estuário fronteiriço.

  • Flora e fauna

Espanha tem uma maravilhosa paisagem diversificada, rica em flora e fauna, que é uma característica do seu habitat natural. A variedade climática corresponde à variedade de formações vegetais. No sul crescem bosques, com árvores como o carvalho, a faia e o castanheiro. A vegetação natural da meseta seria a de estepe e de bosques mediterrâneos, mas encontra-se danificada devido à agricultura. É típica da zona ocidental, ou seja, de Salamanca e da Extremadura.

A azinheira e o pinho aparecem em todas as zonas do clima mediterrâneo, assim como o matagal denso, que resulta da degradação de outras formações. A fauna natural espanhola reflecte a transição geográfica entre a Europa e a África. Animais como ursos, lobos, linces, cervos e cabras selvagens sobrevivem em zonas montanhosas e em reservas, além de diversas espécies de águias e falcões, aves aquáticas e migratórias.

g_vigoenfotos_5701[1]CA7ZO2PUCA037V8HCAV1M005CAQDIGRMCAC02GQWCAWML9KFCAKRLBIXCAY9LFN3CAI3H2M3CA9EODSBCA2YHYHTCAA4JX9JCADJ4EUJCAKSZSUBCANEEL1CCA3FVT2UCAUCBN72CA03RRIJCA98KIY5matagal[1]

 

 

 

 

 

  • Segundo uma divisão física

Espanha é composta por Comunidades Autónomas, que se subdividem em Províncias que, por sua vez, se subdividem em municípios.

Para clarificar esta informação, são apresentados, de seguida, dois mapas para uma melhor orientação geográfica. O primeiro mostra as Cidades Autónomas e o segundo as suas respectivas Províncias.

                                                                                                                                                                                                                     

 

10espanha03[1]
Fonte: http://www.notapositiva.com

 

provincias[1]
Fonte: http://www.descendentes.com

 

 

Em Espanha existem também as NUTS (Nomenclatura das Unidades Territoriais Estatísticas) criadas há mais de vinte e cinco anos pelo Eurostat, cujo o objectivo é possibilitar uma repartição única e uniforme das unidades territoriais para a produção de estatísticas regionais da União Europeia.

Espanha tem 7 NUTS I (Noroeste, Nordeste, Madrid, Centro, Este, Sul e Canárias) onde terá que ter, no mínimo, 3 milhões de habitantes, 19 NUTS II onde deverá possuir entre 800 mil e 3 milhões de habitantes e 52 NUTS II que deverá ter entre 150 mil a 800 mil habitantes.

 

 

 

Fontes:
 
 
http://www.brasilescola.com/geografia/espanha.htm
Acedido a 1 de Abril de 2009
 
http://www.portaldointercambio.com.br/destinos/intercambio_espanha/geografiaespanha/principais-cidades 
Acedido a 1 de Abril de 2009 
 
www.ciberamerica.org
Acedido a 4 de Abril de 2009 
 
http://www.escuelai.com/practicalguidesp-pt.html 
Acedido a 6 de Abril de 2009 
 
http://www.colegioweb.com.br/geografia/espanha 
Acedido a 4 de Abril de 2009   
 
http://simap.europa.eu/codes-and-nomenclatures/codes-nuts_pt.html
Acedido a 13 de Julho de 2009
 

 
 

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: